Palavra do Leitor

Alda Maria de Oliveira

O Século XXI faz 10 anos de caminhada e eu tenho caminhado ao seu lado, com ele presente nas minhas inúmeras oficinas de sensibilização para levar ao professorado, agentes de saúde comunitária do município e, algumas vezes, da Região Serrana, as informações preciosas que ele sempre traz. Agora em cores, com distribuição ampliada é mesmo uma verdadeira conquista. Parabéns Dib Curi, o Planeta Terra agradece. Abraços verdes e azuis

Alda Maria de OliveiraEngenheira Agrônoma e Coordenadora da Agenda 21 de Nova Friburgo
Armando Sales

Embora seja tradicionalmente farta a oferta de veículos de comunicação impressa na região, a mesma ressente-se de canais específicos de divulgação e repercussão de alguns segmentos da comunidade, não contemplados pela mídia convencional, provavelmente, pela limitação de espaços e outros recursos. No setor cultural e ecológico, entretanto, minha avaliação é que o jornal Século XXI está conseguindo, como uma opção alternativa, suprir esta carência, firmando-se, desta forma, como uma publicação que vem contribuindo para o debate de idéias, numa proposta que, me parece, mostra-se sempre aberta à participação democrática dos vários setores da sociedade.

Armando SalesEmpresário
Claudia Echenbach Dall´aglio

         Aprecio muito a qualidade e a respeitabilidade do Jornal Século XXI.Principalmente,em relação a problemática ambiental e as questões sócioculturais que freqüêntemente são utilizadas pelos alunos de Antropologia da FFSD-NF e de Comportamento Organizacional da UCAM-NF.
        Gostaria de salientar que o sucesso do jornal é legitimado pelo seus 10 anos de veiculação regional e da sua postura de responsabilidade social.
    Sucessos mil!

Claudia Echenbach Dall´aglioProfessora de Antropologia FFSD-NF e de Comportamento Organizacional da UCAM-NF
Daniela Santi

Sério sem ser chato! Sensível, mas não piegas! Informativo,comprometido com a verdade e culturalmente rico. Este é o perfil do jornal SÉCULO XXI. O editor se esmera em fazer um jornal que possa ser lido por intelectuais e estudantes, assim como por pessoas de diversas classes sociais, que tenham interesse em aprender e aprimorar os seus conhecimentos nas mais diversas áreas : da política à medicina chinesa, do poema à discussão religiosa. Enfim, um jornal com uma cara atual que merece ser lido.

Daniela SantiAtriz e diretora de teatro
Fernando Cavalcante

Os grandes trabalhos se caracterizam pela substância que ao longo do tempo conseguimos construir e colocar a disposição da comunidade. Perseverança e certeza de sua estratégia é condição fundamental para o sucesso. Sem dúvida, o Século XXI e seu editor Dib Curi estão de parabens pelos 10 anos e pela expansão estratégica de sua base de atuação, o que só agrega valor a Nova Friburgo.

Fernando CavalcanteGeógrafo e Coordenador Geral do Conselho Municipal de Meio Ambiente de Nova Friburgo
Francisco de Assis

O Século XXI,  além de informar, cumpre um outro sentido da imprensa que é Educar.
Nota-se também o sentido Humanista de seus editoriais e a diversidade de materiais.
Cria  interesse de leitura a todas as camadas sociais.

Francisco de AssisEmpresário
Gilberto Sader

Sempre ao receber o Jornal Século XXl "devoro-o" de imediato, pois os temas abordados são de extrema importância à todos, independente da faixa etária, nível de escolaridade e/ou camada social. É constante a preocupação e alerta deste Jornal contra a degradação do meio ambiente. A sensibilidade para com a vida e a saúde humana é outra preocupação deste Jornal que, com suas diversas dicas, facilita a vida de muitos. A abordagem religiosa com a total imparcialidade das denominações também é muito interessante!... Enfim, este é um  veiculo que aumenta nosso interesse como um todo!
Não tenho dúvida que para se colocar um jornal como o Século XXl nas ruas, principalmente em cidades do interior, as dificuldades são certamente as maiores possíveis, principalmente, neste momento de grande recessão em nosso país, onde as empresas enxugam a cada dia suas despesas e, conseqüentemente, anunciam menos. Somente pessoas abnegadas e com fé inabalada em seus propósitos, como o editor de Século XXl, sr. Dib Curi, são capazes de realizar essas façanhas!
Receba meu forte abraço e os parabéns de toda a nossa grande Comunidade Libanesa Friburguense, da qual o ilustre editor pertence e, que muito dignifica nossa honrada etnia!

Gilberto SaderEmpresário e Presidente da Comunidade Libanesa de N. Friburgo
Jô Cabral

O Jornal Século XXI está sempre preocupado com o ser humano. Através de suas matérias e dicas importantes, podemos refletir como é possível conciliar desenvolvimento com qualidade de vida, preservação ambiental e cultural com turismo. Um veículo importante também para a divulgação da nossa região e de tudo o que estamos fazendo pela qualidade de vida, no intuito de que a vida neste planeta seja mais feliz.

Jô CabralEmpresária
José Carlos Ruiz

Quando a consciência de um povo é moldada por Ratinhos, Silvios, Gugus e Faustões e a mídia em geral eudeusa valores que transformam a vida no planeta quase insuportável para a humanidade, vemos com alegria e entusiasmo o Jornal Século XXI, convidando a comunidade para uma reflexão humana e profunda sobre a validade deste padrão de vida que optamos.
É bom ver um jornal da cidade escrever e convidar o cidadão para pensar e questionar o paradigma da  sociedade capitalista.  Torço para  que o jornalismo, no  Século XXI, cresça pelos caminhos do Jornal Século XXI."

José Carlos RuizTopmark Comunicação Integrada
Julio Cesar Seabra Cavalcanti (Jaburu)

Quando o paulista se sente orgulhoso de ter a folha de São Paulo, quando Minas Gerais se sente orgulhosa de ter o Estado de Minas, quando nós, brasileiros, nos sentimos orgulhosos de termos tido um jornal como o Pasquim, quando o Time Life é cantado no mundo inteiro, nós também, em Friburgo, temos que ficar muito felizes, contentes e atentos para com o Jornal Século XXI, que vem já há bastante tempo defendendo os maiores anseios de nossa cidade, sem nenhuma política partidária, apenas pensando, divulgando e defendendo os sonhos maiores de Nova Friburgo. Esperamos que ele tenha realmente um belo e longo caminho e que nós tenhamos a força e a coragem de sempre apoiar estas iniciativas, principalmente, o nosso querido Século XXI que não está só a frente no seu nome; está a frente nas suas idéias, nas suas posturas e no seu comportamento ético.

Julio Cesar Seabra Cavalcanti (Jaburu)Diretor de teatro e fundador do Gama
Lilian Barreto

Contrariando as professias de Nostradamus, que entre outras coisas diz: “a mil chegarás, de dois mil não passarás”, o jornal Século XXI é um exemplo vivo de que nem todas as professias são negativas. É um jornal importante pelo tratamento e seriedade dos assuntos que aborda: sem sensacionalismo e sim, com realismo. A prova está na participação e interesse da comunidade em apoiar e construir um Século XXI melhor. Ele tem uma linha de imprensa moderna.

Lilian BarretoConsultora de Projetos Culturais para a Lei Rouanet
Maria Amélia

Há cerca de 10 anos acompanho o trabalho do Jornal Século XXI. Durante este período pude observar um compromisso sério e de
muito respeito para com o seu leitor. É elogiável a preocupação do seu editor em selecionar e eleger os assuntos a serem tratados e levados à discussão e reflexão. Neste espaço de tempo, vale ressaltar a longa e continuada pesquisa realizada em torno do levantamento da história da região, não deixando passar por nenhuma fase importante de registro ou de provocar depoimentos de historiadores atuantes, além de entrevistar “personas” que são testemunhas vivas da história de Nova Friburgo. Percebe-se que a preocupação principal deste trabalho tem sido, sem dúvida alguma, a de provocar e auxiliar na busca da identidade cultural friburguense ou ainda; de levar o indivíduo à discutir a sua condição de cidadão atuante hoje.

Maria AméliaArtista Plástica
Maria Lua

Em 1996, enquanto andava pelas ruas de Nova Friburgo, muitas vezes me encontrei com o Dib que, então me entregava um envelope especial...  Do lado de fora estava escrito: Século XXI...
Dentro, uma mensagem diferente, convidando a pensar... a ir além das aparências...
Eu não sabia: as mensagens eram presságios de um jornal que nasceria no final desse mesmo ano...
E, aos poucos, o SÉCULO XXI passou a fazer parte da vida das pessoas que buscavam leituras para a evolução espiritual, matérias muito distantes do sensacionalismo e do vazio dos jornais comuns...
Parabéns Dib Curi!
Espero que o SÉCULO XXI siga - sem pestanejar - os caminhos da criatividade, da informação sadia, da arte e da espiritualidade!  

Maria LuaPoeta
Roberto Silveira

Caro Dib
Parabéns pela iniciativa de levar o jornal para além das fronteiras de Nova Friburgo.  Os leitores além serra precisavam saber que temos uma cultura preocupada com o meio ambiente, trabalhando para a preservação e a sustentabilidade de nosso maior patrimônio.
Você está divulgando o que temos de melhor e com a qualidade editorial e gráfica que nossa cidade merece.
Afinal, agora temos um jornal qua dá prazer em anunciar.

Roberto SilveiraEmpresário