05/09/2007 Noticia AnteriorPróxima Noticia

Lula diz que meta de preservação ambiental depende de contratação de servidores

Brasília - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou quem diz que as contratações de pessoal feitas pelo governo servem para inchar a máquina administrativa pública. Lula fez a declaração durante lançamento do Relatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) 2007, no Palácio do Planalto.

Lula citou ainda que para cumprir uma das metas, a de preservação ambiental, é necessário contratar técnicos, fiscais para evitarem o desmatamento. “A gente jamais poderia cumprir as Metas do Milênio no que diz respeito à questão ambiental senão tivéssemos coragem contra as críticas de que cada funcionário que a gente contrata, a gente está inchando a máquina”, disse.

“Na verdade, é preciso contratar, ter técnicos, ter fiscais embrenhados pelo mato afora para evitar as queimadas, senão não se evita. É preciso ter gente de bom senso para denunciar”, completou. Durante a cerimônia, o presidente, em tom de brincadeira, sugeriu que o uso de biocombustível deveria ser uma das Metas do Milênio. “Deveria estar nas Metas do Milênio: todo mundo vai colocar 20% de etanol ou de biodiesel no tanque até 2015 ou 2020”, brincou.

Os Objetivos do Milênio foram criados em 2000 durante a Cúpula do Milênio da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova Iorque. Na ocasião, 189 nações assumiram o compromisso de cumprir as oito metas até 2015. São elas: erradicar a extrema pobreza e a fome, educação básica de qualidade para todos, promover a igualdade entre os sexos e autonomia das mulheres, reduzir a mortalidade infantil, melhorar a saúde das gestantes, combater o HIV/AIDS, a malária e outras doenças, garantir a sustentabilidade ambiental e estabelecer parcerias para o desenvolvimento.

Carolina Pimentel

Repórter da Agência Brasil

Por: Agencia Brasil