26/07/2007 Noticia AnteriorPróxima Noticia

Brasil precisa enfrentar desafio de criar infra-estrutura esportiva nas escolas, segundo ministro

Brasília - Um desafio que o Brasil precisa enfrentar é a criação de infra-estrutura esportiva principalmente nas escolas. A afirmação é do ministro do Esporte, Orlando Silva, que participou hoje (26) de entrevista coletiva a emissoras de rádio parceiras da Radiobrás. “É um desafio que precisa ser enfrentado com mais força após os Jogos Pan-Americanos. Muitas escolas não têm equipamentos esportivos”, constatou.

Na opinião do ministro, outro desafio é qualificar melhor os profissionais do esporte para que a atividade esportiva “sirva à qualidade de vida”. “Esses dois desafios vão exigir um pouco de mais Orçamento”, disse.

O ministro defendeu ainda atividades esportivas para crianças e adolescentes que cumprem medidas sócio-educativas, em instituições de recuperação. Ele lembrou que em Brasília e em São Paulo já existem núcleos de atividades físicas e que há expectativa de que também sejam criados no Rio de Janeiro. “O que existe são iniciativas pontuais em Brasília e em São Paulo. Capoeira e artes maciais são atividades de muito interesse deles”, afirmou o ministro.

Orlando Silva acrescentou que o Brasil ganhará, após os jogos, espaços para treinamento de atletas, para inclusão social com iniciação esportiva de crianças e adolescentes e para realização de eventos. Os investimentos públicos federais para os Jogos Pan-Americanos de 2007 e para Jogos Parapanamericanos já somam quase R$ 2 bilhões, de acordo com dados preliminares. Só em instalações esportivas e acomodações foram aplicados cerca de R$ 700 milhões.

“A maioria [dos espaços] se tornará em centro nacional de treinamento. A iniciativa privada deve ocupar espaços multifuncionais, onde podem acontecer eventos esportivos e culturais, para que possamos ter sustentabilidade e o Estado não tenha que financiar manutenção” disse.

Por: Agencia Brasil