18/11/2014 Noticia AnteriorPróxima Noticia

Noticias de Novembro de Lumiar e São Pedro da Serra

- Cortaram a mais linda árvore da Praça João Heringer em São Pedro da Serra. O coreto não foi destruído e ganhou uma nova pintura. O gramado foi recolocado e há novos bancos. O antigo chafariz não existe mais.

Com um grande orçamento para esta medida despropositada não foi providenciado um projeto desenhado para a analise e acompanhamento da população. A comunidade não está sendo levada em consideração, também porque a Associação de Moradores do distrito - AMASPS - enfraqueceu no momento que mais era necessária a sua fiscalização sobre esses serviços despropositais.

- A prefeitura reiniciou as obras de reforma do posto de saúde de S.P.S. Estiveram paralisadas por 60 dias sem definição. Agora o quadro é de ocupação do local pelos serviços, muito embora permaneça o atendimento clinico. Tomara que a intervenção venha a dar melhor padrão as instalações. Pelo plano contratado essa reforma já estaria concluída em outubro. Isto não aconteceu não tendo qualquer novo benefício executado até então.

- Na Estrada da Bocaina dos Blaudts uma ponte de madeira sempre suportou o tráfego até de ônibus coletivo. Agora a prefeitura construiu uma nova ponte de concreto ao lado dessa. Supomos que a antiga ponte de nome Cyrlei Boom permanecerá até o reconhecimento definitivo e aprovação da obra. Entretanto o nome da ponte deverá continuar o mesmo Cyrlei Boom, parabéns, só falta pavimentar a estrada.

- O Cyber Café de S.P.S. inaugurou um palco para apresentações musicais. Situado na galeria central de S.P.S. a loja do Cassiano é uma lan house . bar, servindo lanches e café. Nas quartas feiras está realizando uma seção musical especial de 20 h.as 23 h. com artistas do lugar, da terra, ficando aberto todos os dias até 22 horas.

- O Compadre Feijão fabrica licor há 23 anos no sítio em Pedra Aguda,distrito de Bom Jardim. São licores, garrafadas e cachaças de qualidade chamadas orgânicas com ervas aromáticas, frutas, cascas, sementes e folhas da região onde mora. Waldir Feijão reside no local há 30 anos e cuida do lugar como uma reserva ecológica particular patrimônio natural. Nas sextas feiras traz para Lumiar e São Pedro da Serra a bebida que produz e são vendidas,consumidas em bares e restaurantes nos fins de semana por um público especial que reconhece a qualidade pagando mais caro.

- Em São Pedro da Serra existem 6 carros abandonados, sendo 5 na rua Rodrigues Alves, num terreno baldio logo no início. Um outro carro todo queimado na rua Manuel Knupp.

- Contata-se o aumento da repressão aos costumes consagrados pela música noturna ao vivo. Numa região onde a atividade policial não é tão exigida, mas em contrapartida a comunidade quer da prefeitura rigor no combate à poluição.

Por: ForumSec21