18/11/2012 Noticia AnteriorPróxima Noticia

Conheça mais sobre as práticas de saúde da Naturologia

Por Sayonara Rodrigues

O cuidado com a saúde tem se mostrado desde as mais remotas organizações sociais, permeado por práticas, crenças e recursos de acesso popular.

Além disso, o uso das Terapias Complementares à alopatia na promoção da saúde é uma realidade que precisa ser considerada nos processos de saúde e adoecimento.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) criou o programa de medicinas tradicionais e desde então vem incentivando os Estados-membros a formularem políticas públicas nas áreas de implementação, regularização e pesquisa. A OMS classifica as medicinas tradicionais como um conjunto de conhecimentos referente a saúde, de uma determinada cultura, por isso tradicionais.

Novas visões sobre a saúde preventiva e hábitos saudáveis

Promover o cuidado com a saúde e bem-estar podem ser medidas educativas e mediadoras de uma ação para um ambiente mais sadio e equilibrado. A estimulação da autopercepção e cuidado agrega possibilidades do indivíduo optar e controlar aspectos que possam influenciar na preservação do seu estado de saúde. A promoção da saúde deve ser compreendida como um conjunto de ações cujo objetivo é estimular mudanças na assistência à saúde, onde a prevenção de doenças e adoção de hábitos saudáveis sejam medidas do modelo de saúde que se busca.

O que é a Naturologia

A Naturologia utiliza-se das terapias naturais como ferramentas de cuidado com o indivíduo e promoção da sua saúde. Estabelece relações de interagências entre diversos conteúdos. Durante o II Congresso Brasileiro de Naturologia, realizado em Florianópolis/SC em novembro de 2009, aconteceu o I Fórum conceitual e nele formulou-se oficialmente, o conceito de Naturologia. É abrangente e aplica-se ao campo de atuação da Saúde Pública:

“A Naturologia é um conhecimento transdiciplinar que atua em um campo igualmente transdiciplinar. Caracteriza-se por uma abordagem integral na área da saúde pela relação de interagência do ser humano consigo, com o próximo e com o meio ambiente, com o objetivo de promoção, manutenção e recuperação da saúde e da qualidade de vida”.

Visa, ainda, identificar os problemas de saúde suscetíveis às práticas das terapias naturais e selecionar os métodos e terapias mais adequadas a cada tipo de situação, sempre resguardando a livre escolha e a integridade física e psíquica das pessoas, bem como interagindo com as equipes de saúde. A Naturologia Aplicada tem como embasamento cientifico os fundamentos da Medicina Tradicional Chinesa, Ayurvédica e Xamanica, e uma vez identificado a natureza do desequilíbrio energético do paciente, o Naturólogo busca nos recursos terapêuticos a prática natural mais adequada a ser utilizada, tendo o máximo cuidado nos que diz respeito as contra indicações. Acredita também que cada organismo é único, sendo que nem sempre o que é bom para um organismo é para outro.

Práticas da Naturologia

As práticas naturais utilizadas pela Naturologia são:

Aromaterapia que consiste no uso específico de óleos essenciais através da aplicação local (absorção via sistema tegumentar), ou por inalação (absorção via sistema respiratório);

Arteterapia que utiliza recursos artísticos para o processo terapêutico. Visa auxiliar na mediação das relações pessoais, orientar o desenvolvimento da criatividade e possibilitar a expressão da linguagem do inconsciente;

Cromoterapia que emprega o uso de cores com o objetivo de harmonizar o indivíduo. Através das propriedades destas cores, se obtém o potencial de sedar ou estimular, de acordo com a cor utilizada em cada caso, com o objetivo de recuperar e manter a saúde;

Fitoterapia que consiste no emprego de plantas medicinais, que possuem um complexo fitoquímico e inte-ragem com o organismo humano de forma terapêutica. Através de uma visão integradora, sua abordagem compreende as relações da natureza humana, física, emocional e energética, e visa um tratamento global, considerando a individualidade de cada pessoa;

Florais que consiste em um método simples, natural e acessível, que visa o reequilíbrio, restabelecimento da harmonia à nível sutil, da percepção dos sentimentos, utilizando as essências florais. Para esta terapia, a saúde é compreendida como a harmonia entre todas as dimensões do ser;

Geoterapia ou Argiloterapia que consiste no uso de diferentes tipos de argila, cada qual com propriedades específicas, em tratamentos para melhorar o funcionamento físico, emocional e energético do organismo;

Hidroterapia que utiliza como recuso terapêutico a água, nos seus diversos estados (sólido, líquido e gasoso) e temperaturas, que podem variar de muito frias (13oC) até muito quentes (40oC), para uso interno ou externo. Além de ser desintoxicante e revigorante, estimular a circulação sanguínea, linfática e o sistema nervoso, tonificando, equilibrando e fortalecendo as funções vitais;

Massoterapia envolve conhecimentos como fisiologia, patologia básica, anatomia, psicologia, e a importância da estrutura, intenção e propósito do toque;

Reflexoterapia é um tratamento suave e não invasivo, que se caracteriza pela aplicação de uma técnica específica de massagem aos pés, com a finalidade de manter a saúde e estimular o organismo a recuperar a sua homeostase.

Para que todos esses recursos atinjam o seu maior desempenho, o Naturólogo trabalha na desintoxicação do organismo através da Trofoterapia, uma prática que auxilia a liberação de toxinas através de uma dieta alimentar.

Sayonara Rodrigues é Naturóloga. Tels: (22) 2523-7335 e (22) 8857-9074 Confira mais detalhes na página 4

Por: ForumSec21