19/04/2011 Noticia AnteriorPróxima Noticia

Países ricos e em desenvolvimento concordam em priorizar discussão sobre mudanças climáticas

08/04/2011

Brasília – Depois de quatro dias de discussões em Bangcoc, na Tailândia, negociadores de países ricos e em desenvolvimento concordaram em dar prioridade à agenda sobre a mudança do clima. Às vésperas de encerrar o prazo para os governos atingirem as metas de redução da emissão de gases de efeito estufa, que, segundo especialistas, é uma das principais causas do aquecimento global - conforme o Protocolo de Quioto -, o tema predominou nas reuniões.

Pelo acordo definido no protocolo, há um calendário que deve ser cumprido pelos países, principalmente os ricos, cuja obrigação é reduzir a emissão de gases de efeito estufa em, pelo menos, 5,2% em relação aos níveis de 1990 até 2012. As metas de redução variam de acordo com cada país, com níveis diferenciados para os que mais emitem gases.

A secretária executiva da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, Christiana Figueres, disse hoje (8) que os debates foram “positivos e construtivos”. Segundo ela, houve demonstrações de que está entre as prioridades o “desejo de manter as regras de Quioto e buscar soluções políticas em 2011".

Christiana destacou ainda que é necessário que cada país cumpra também as metas estabelecidas individualmente para que o plano global atinja os objetivos definidos nas reuniões anteriores. “Em casa, com seu próprio sistema político, é preciso implementar as políticas adequadas. Não é uma escolha entre um ou outro, é um conjunto. País algum pode agir sozinho.”.

Organizada pelas Nações Unidas, a conferência em Bangcoc reuniu 2 mil representantes de 175 países. Participaram do encontro representantes de governos, empresas privadas, organizações ambientais e instituições de pesquisa.

De acordo com as Nações Unidas, a reunião em Bangcoc foi a primeira de uma série de debates internacionais destinados a preparar a Conferência da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, em Durban, África do Sul, em dezembro. A próxima reunião preparatória será realizada em Bonn, Alemanha, no dia 6 de junho.

Renata Giraldi

Por: Agência Brasil