19/03/2009 Noticia AnteriorPróxima Noticia

Brasil ocupa 13° posição no ranking de turismo no mundo

O presidente do World Travel and Tourism Council (WTTC) , Jean-Claude Baumgarten e o diretor da Oxford Economics, Adrian Cooper, apresentaram no dia 12/03, durante palestra na ITB Berlim, a Pesquisa Impacto Econômico 2009. Na platéia, jornalistas de várias partes do mundo e a presença da presidente da Embratur, Jeanine Pires, que acompanhou na primeira fila tudo que era dito. O Brasil ganhou destaque por sediar o WTTC em maio, em Florianópolis e por ter subido no ranking das economia de turismo do mundo: passando de 14 para 13.

O estudo quantificou os diversos aspectos de viagens e turismo de 181 países. Na América Latina (entre 19 países), o Brasil ocupa a primeira posição. Diante da crise econômica que afeta também o setor, o WTTC prevê retração de 3,5% no crescimento real do Produto Interno Bruto do turismo, na média geral dos países avaliados. O Brasil, no entanto, deve sofrer uma retração de 0,4% - o que caracteriza um quadro de estabilidade para o país em 2009.

O presidente do WTTC mostrou uma visão otimista em relação a países emergentes, como o Brasil: "estes países serão peças fundamentais na retomada do crescimento econômico mundial, gerando milhões de novos viajantes das crescentes classes-médias", declarou. "Isto pode significar tanto um incremento para as viagens internacionais como também criar, cada dia mais, um vibrante turismo doméstico".

Para finalizar ele ressaltou a importância do setor de Turismo sob qualquer circunstância. "Acreditamos fortemente que o Turismo é chave para resolver qualquer tipo de cenário. Os governos precisam olhar para este setor que é capaz de gerar empregos e renda para as nações", afirmou. Ao final da palestra, tanto Baumgarten quanto Adrian Cooper responderam à perguntas dos presentes.

Jeanine Pires comemorou os resultados do Brasil e explicou o que isso significa na prática. "Essa posição não quer dizer que o Brasil recebeu maior número de turistas, mas mostra o impacto que o turismo tem para o nosso país. Ou seja leva em conta, por exemplo, o número de empregos gerados", comemorou.

Por: Mercado & Eventos