31/07/2008 Noticia AnteriorPróxima Noticia

Lançada, no Rio de Janeiro, a RedeTuris

A Associação Comercial do Rio de Janeiro e o Sebrae/RJ lançaram nesta terça-feira, 22 de julho, a RedeTuris, uma rede que integra toda a cadeia produtiva do turismo fluminense para o desenvolvimento sustentável do setor.

O lançamento aconteceu no auditório da ACRJ, durante o II Seminário RedeTuris, quando foram formalizadas as parcerias iniciais, entre o governo do estado, por meio das Secretarias de Turismo e Trabalho e Renda, o Conselho Empresarial de Turismo Pró-Rio da Associação Comercial do Rio de Janeiro, o Sebrae/RJ e a Agência de Desenvolvimento do Turismo da Macrorregião Sudeste do Brasil (Adetur Sudeste).

Formada por empreendedores, entidades públicas e privadas, a rede inicialmente atuará no Rio e em Niterói, mas já sinaliza a ampliação de sua área de atuação por todo o estado. A administração será por meio do sistema de governança, e terá como focos estratégicos a otimização dos recursos públicos destinados ao turismo, a oferta e o aprimoramento de roteiros, produtos e serviços receptivos, desenvolvimento de projetos de capacitação profissional, ampliação e certificação da rede de hospedagem, planos de marketing e outras medidas.

O II Seminário RedeTuris foi aberto por Sergio Boanada (vice-presidente dos Conselhos Empresariais da ACRJ), Sávio Neves (presidente do Conselho Empresarial de Turismo Pró-Rio da instituição), Nilo Sérgio Felix (presidente da TurisRio), Alexandre Sampaio (vice-presidente da Adetur Sudeste) e Ronald Azaro (secretário estadual de Trabalho e Renda). Sávio Neves reafirmou que "a RedeTuris não promoverá a superposição de ações das entidades, mas será a indutora dos projetos". Ao assinar a parceria, Ronaldo Azaro disse que "a Secretaria de Trabalho e Renda está aberta para otimizar os recursos que irão minimizar a carência de mão-de-obra do setor".Já o vice-presidente da Adetur Sudeste confirmou para este segundo semestre o relançamento do cruzeiro rodoviário turístico pelos quatro estados da região.

O coordenador geral de implantação da RedeTuris, Luiz Carlos Pimenta, e a gestora do Núcleo de Projetos da ACRJ, Marília Brito, apresentaram os objetivos e os mecanismos operacionais da rede por meio de reuniões periódicas, além da criação do portal http://www.redeturis.org.br/, com informações permanentes sobre oportunidades de negócios e parcerias, andamentos dos projetos, prestação de contas e informações de interesse do trade turístico do estado.

O seminário teve a presença de Tânia Zapata, consultora do Ministério do Turismo e diretora técnica do IADH (Instituto de Assessoria para o Desenvolvimento Humano), que apresentou a palestra "A importância da governança democrática para o turismo sustentável". Segundo ela, o sucesso de uma governança depende de um propósito nobre, projetos de interesse coletivo, transparência, confiança, cooperação e gestão estratégica. "Para uma governança democrática, é preciso superar a visão antiga de que o Estado é o responsável pelo atendimento às demandas. O desenvolvimento sustentável só é efetivo com a atuação do mercado e da sociedade organizada, em conjunto com o poder público".

Estiveram presentes representantes da RioTur, TurisRio, Senac Nacional, Sindicato dos Hotéis, Bares e Restaurantes (SindRio), Associação Brasileira de Bacharéis em Turismo (ABBTUR), Niterói Empresa de Lazer e Turismo (Neltur), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), empresários, estudantes e políticos, como as vereadoras Andréa Gouvêa Vieira (PSDB) e Aspásia Camargo (PV).

Por: ACRJ