10/06/2008 Noticia AnteriorPróxima Noticia

Instituições podem compor o Conselho da APA Macaé de Cima

As instituições interessadas em participar da gestão da Área de Proteção Ambiental (APA) de Macaé de Cima (Nova Friburgo) já podem se cadastrar no Instituto Estadual de Florestas (IEF/RJ). O cadastramento faz parte do processo de reestruturação do conselho da unidade, que vai ampliar a participação comunitária. Os representantes devem preencher uma carta de intenção até o dia 18 de julho, segundo o administrador da APA Macaé de Cima, Carlos Henrique Martins.

As primeiras cartas já foram entregues na reunião promovida pela APA no sábado (07/06), na sede da Banda Musical Euterpe Lumiarense, em Lumiar, com 56 participantes, entre os quais representantes da Prefeitura de Nova Friburgo, Câmara Municipal, UFF, Uerj e OAB, além de instituições representantes dos moradores, produtores rurais e sitiantes. Durante a reunião foram apresentados os resultados da oficina de diagnóstico realizada em São Pedro da Serra e os objetivos do Programa de Fortalecimento dos Conselhos Consultivos do IEF/RJ, desenvolvido nas unidades de conservação estaduais.

Na APA Macaé, o programa promoveu, entre outubro e dezembro do ano passado, três oficinas de diagnóstico nas localidades de São Pedro da Serra, Galdinópolis e Boa Esperança. Nessas oficinas são levantados os principais problemas e as propostas de solução da comunidade, que servem para nortear a gestão e a reestruturação do conselho consultivo.

Em setembro, após a análise das cartas de intenção pelo IEF/RJ, será realizada outra reunião para definição da nova composição do conselho. As instituições podem ter acesso à carta no site do IEF/RJ (www.ief.rj.gov.br). Depois de preenchida, a carta deve ser encaminhada ao e-mail apamacaedecima@gmail.com.

Criada em 2001, a APA Macaé de Cima é uma unidade de conservação estadual de desenvolvimento sustentável. Com cerca de 35 mil hectares, conta com aproximadamente de 10 mil moradores, a maioria da área rural do município. Entre os serviços ambientais que presta está a proteção de mananciais dos rios Macaé de Cima, da Floresta, Santo Antonio e seus afluentes.

Mais informações: Ascom/IEF -Ricardo Goothuzem - (21) 2299-3088/9572-1503

Aconteceu, em Lumiar, no dia 7 de junho, reunião do Conselho Consultivo da Apa Estadual de Macaé de Cima.

Num clima de diálogo, com a participação expressiva dos setores interessados, a reunião manteve um ambiente cordial, ainda que questões polêmicas tenham sido debatidas. A equipe do IEF, nas pessoas do Carlos Henrique e do Gustavo, estão de parabéns pela boa condução dos trabalhos.

Foi apresentado o resultado parcial do Relatório das Oficinas de Diagnóstico Rápido Participativo da APA Macaé de Cima, que tenta expressar o que as várias pessoas envolvidas no processo de implementação da APA desejam e como pretendem alcançar seus objetivos. Foram três oficinas que duraram todo o dia, no decorrer de 2007.

Ficou decidida a reestruturação do Conselho, com a abertura de prazo para a inscrição de novos interessados em ingressar. Somente é permitida a participação de instituções (pessoa jurídica), e órgãos governamentais ou públicos. Estabeleceu-se um prazo até o dia 18 de julho para haver a inscrição de

novos membros e reinscrição dos atuais. A ficha de inscrição está disponível com a equipe do IEF (Carlos Henrique) ou pelo site http://www.ief.rj.gov.br/conteudo.htm e clicar no link do Programa de Fortalecimento dos Conselhos Consultivos.

As fichas devem ser entregues ao administrador da APA, Carlos Henrique.

Maiores informações: apamacaedecima@hotmail.com

Ficou marcada para o dia 23 de setembro, na sede da Euterpe Lumiarense a próxima reunião.

Bernardo Furrer

Por: IEF / Bernardo Furrer