Karl JaspersGeorge Bernard Shaw

Mestre de Vida: Santa Teresa de vila

Santa Teresa de vila Santa Teresa de vila 1515 - 1582

Santa Teresa de vila

Santa Tereza nasceu em vila, Espanha. A educao que os pais lhe deram foi muito slida. Acostumada desde pequena leitura de bons livros, se encantou com a vida dos santos.

Quando tinha 12 anos, perdeu a me. Com quinze anos, o pai levou-a a estudar no Convento das Agostinianas. Com 17 anos, depois de uma doena grave, a jovem comeou a pensar na vida religiosa. Com 21 anos fez os votos e ficou novamente doente, possivelmente, de malria. Depois da morte de seu pai, intensificou prtica da orao, o que jamais abandonou.

Com quase 50 anos, funda um novo convento, onde estabeleceu o ascetismo, a clausura e o silncio. As freiras viviam na maior pobreza e foram chamadas de descalas. Teresa jamais descuidou das coisas prticas da vida e do servio ao prximo. Sabia utilizar muito bem as coisas materiais para o servio de Deus. Em certa ocasio disse: - Teresa, sem a graa de Deus uma pobre mulher; com a graa de Deus, uma fortaleza; com a graa de Deus e dinheiro, uma potncia.

Ensinamentos:

Construir grandes casas com o dinheiro dos pobres muito inconveniente e o Senhor jamais o perdoar

"Nada te perturbe, Nada te espante, tudo passa, a pacincia tudo alcana; quem tem a Deus nada lhe falta.

Por nada te angusties, nada te perturbe. A Jesus Cristo segue, com grande entrega, E, venha o que vier, Nada te espante.

A porta por onde me vieram tantas graas foi somente a orao: se ela estivesse fechada, eu no saberia de que outra maneira poderia receb-las. Quando Deus quiser entrar numa alma para ali se deleitar e preench-la de bens, apenas esta possibilidade existe porque ele a quer sozinha, pura e desejosa de receb-lo

Quem comeou a rezar no deve interromper a orao, em que pesem os pecados cometidos. Com a orao poder logo soerguer-se, ao passo que sem ela ser-lhe- muito difcil. No deixe que o demnio o tente a abandonar a orao por humildade

As palavras de Deus fixam-se to profundamente no esprito que no mais possvel esquec-las, ao passo que aquelas do intelecto assemelham-se a um pensamento fugaz que subitamente se esvai da mente

Uma prova de que Deus esteja conosco no o fato de que no venhamos a cair, mas que nos levantemos depois de cada queda.

No tenha medo do seu futuro, tenha plena convico que as bnos de Deus iro em sua direo.

O Senhor deve vir em nosso socorro na proporo das fadigas que aguentamos por causa do seu amor. E visto que essas angstias so grandes, menores no devem ser as graas.

Quanto mais nos aproximamos de Deus, mais percebemos a gravidade dos nossos defeitos.

uma grande virtude saber ter concrdia com todos e suportar-lhes os defeitos.

Muitas vezes o Senhor permite uma queda a fim de manter a alma na mais profunda humildade. Se ela se arrepende e volta a Ele com sinceridade, mais progredir, conforme sabemos de muitos santos

VOLTAR PGINA INICIAL